Follow by Email

domingo, 29 de março de 2009

O governo Lula provoca a falta de água no Brasil

(Redigido em 15/02/2009 às 11:49hs)

Já há alguns anos o governo federal vem veiculando uma campanha publicitária nas emissoras de TV para alertar a população sobre a importância da economia de água. Deixar a torneira ou o chuveiro gotejando causaria o desperdício de uma quantidade absurda de água; lavar o carro com uma mangueira seria a causa de uma crise sem precedentes que afetaria a todos; deixar a torneira aberta enquanto se escova os dentes seria um atentado contra o povo do Brasil.

A verdade, porém, é que essa publicidade na TV é uma estratégia de manipulação bem conhecida. Cria-se um problema para depois se oferecer uma pseudo-solução, fazendo-nos aceitar medidas amargas como “dolorosas, mas necessárias”. A campanha que o governo Lula faz para alertar sobre a importância da economia de água tem a finalidade de acostumar o povo com a idéia da falta de água. Ora, sabe-se que o Brasil sempre foi um país com vastos recursos hídricos. Temos muitos rios e a maior parte de nosso território não sofre com a carência de água.

O que está ocorrendo é que o governo será o único culpado por uma eventual carência de água no Brasil, se ele não fizer investimentos mínimos para garantir o abastecimento da população. Parece-me que o governo está preparando um brutal aumento do custo da água no país. Nossa água sempre foi barata, pois a tínhamos em abundância. Agora o governo quer nos fazer acreditar que temos pouca água. Nada mais falso. O Brasil nunca precisou economizar água, temos o suficiente do precioso líquido.

Por enquanto.

A campanha veiculada pelo governo sobre a importância da economia da água está preparando psicologicamente o povo brasileiro para um aumento absolutamente absurdo no custo da água. Este aumento atingirá principalmente as classes mais pobres e a classe média, pois é nelas que o custo da água representa uma fatia maior do orçamento doméstico.

Quando o desastre aqui previsto estiver consumado, que o povo se lembre que o alertei.

Um comentário:

  1. Cara, não conheço você mas compartilho do mesmo pensamento, sempre me intrigou a questão da campanha de economia de água, penso: passam trilhões de litros por dia (ou mais) só nas cataratas do iguaçu, porque não investimos mais em armazenamento? Aquela água passa lá ha milhoes de anos, milhares com certeza, e a água potavel vai acabar porque? Se for consumida volta pro chão, vai pro subsolo, ou volta pra nuvem, cai de novo (falarão da chuva acida? balela, tome um banho de chuva deixe molhar seus olhos e perceba que não ficou cego, isso no centro de Sao Paulo). O homem só ficará sem água se for estrategicamente buscado isso. Existem lugares no mundo que não tem água, é verdade, não é o caso do Brasil, temos água pra doar e vender pro mundo todo. Investe-se no petroleo a 5.000 metros no fundo do oceano, fazemos hidreletricas gigantes, mas vc lembra de algum projeto de acumulo de água potável para prevenir a falta de água tão falada?

    ResponderExcluir